Design sem nome (1).png

Jornal do Povão

Aqui Você Faz a Diferença

  • Hiago Salesópolis

2° tenente Sérgio Santos Martins, entra para a reserva da Polícia Militar



Sérgio Santos Martins, nascido em julho de 1969, em Paraibuna, vindo para Salesópolis, com 04 anos de idade, desde cedo comecei a trabalhar, sendo que aos 14 anos trabalhei na extinta Empresa de Ônibus Samavisa, exercendo a atividade de cobrador, onde trabalhei com vários motoristas entre eles: Zé Gordo, Sebastião Gordo, Geraldo Idalgo, Pedro Lucio e o e o Senhor Aguinaldo, os cobradores destaco: Salé (Proprietário do Bar Salé) e Paulo Magal; após anos sai da Empresa e fui trabalhar no Senhor Agricultor Warikoda, colher legumes, então fui trabalhar na Sobrenco, porém sempre pensando em tomar um novo rumo para minha vida.


Então, no dia 04 de fevereiro de 1991, fui para a Escola de Soldado em Pirituba e no dia 09 de outubro do mesmo ano, me formei Soldado, sendo destacado para ir trabalhar no 26º BPMM (Mairiporã), após ano, fui transferido para o 17BPMM (Mogi das Cruzes), posteriormente fui transferido para o 1º BPRv (Airton Senna), o tempo passando, então me tornei Cabo PM e fui trabalhar no 12º BPMM (Saúde) e após alguns meses fui transferido para o 27º BPMM (Interlagos), nunca parando com os estudos, passei na Escola de Sargentos, antes fui na Operação Verão, ficando lotado no 20º BPMI (Praia Grande), após o término da Operação Verão, iniciou-se o Curso de Sargentos, onde tive uma excelente classificação e após termino do curso fui movimentado para o 32º BPMM (Suzano), o tempo voava, então voltei novamente ao 17º BPMM, sendo que novamente fui para a Operação Verão, ficando a disposição do 29 BPMI (São Sebastião), retornando ao 17º BPMM, onde fiquei por 05 anos no comando de Pelotão (Noturno), após esse tempo recebi um convite para ir trabalhar em Guararema, ficando ali vários anos, então, novamente recebi um convite para assumir o Comando de Salesópolis, experiência nova, mais aceitei.


Aqui em Salesópolis, fiquei no Comando cerca de 9 anos, os índices criminais diminuíram drasticamente, onde pela Revista Veja, Salesópolis foi considerada a Cidade mais segura do alto Tietê, aqui desenvolvi várias operações, destaco: Operação Cavalo de Aço (Moto), Operação Caminhão, Operação Taxis, Operação Visibilidade, Operação Fiscalização, Operação Centro Seguro, Operação pagamento, entre outras.


Fui condecorado pelo Jornal do Povão, como Celebridade do Ano, fui homenageado pelo Exército Brasileiro, quando em Mogi fui homenageado como o Comandante de Pelotão (Destaque), fui Policial do mês em Guararema.


Desta forma o tempo foi passando, constitui Família, Esposa Zilda, Filha Suellen e Luiny. Ainda não satisfeito precisava fazer mais, apoiei em diversas Festas do Município, atuei no Carnaval, sem nenhum incidente, fiz Campanha do Agasalho, uma das maiores já feita no Município, atuei na feira livre no combate a pirataria, então faltava pouco para concluir minha trajetória e no dia 07 de setembro de 2020, fui promovido, sendo o primeiro Subtenente a comandar Salesópolis, então faltava somente mais uma etapa e no dia 20 de outubro de 2020, com a Graça de Deus e Santo Expedito, fui promovido a 2º Tenente PM, desta forma findando minha Carreira na PMESP, indo para a Reserva (Aposentadoria).


Passei por muitas coisas, muitos desafios, o meu juramento foi cumprido à risca – Defender a Sociedade com o sacrifício da própria Vida – fiz o meu melhor, ajudei muita gente, fiz vários amigos, destaco que sempre cumpri com minhas obrigações e honrei minha palavra, então destaco duas ocorrências, dentre várias que marcaram:


”Salvei uma criança de 5 anos que estava sendo sequestrada pelo pai, (Pai Americano), sendo que esta ocorrência me rendeu honras sendo o policial destaque de Guararema e do Batalhão, esta ocorrência foi noticiada em várias emissoras, sendo o sequestrador escoltado pela Policia Federal, mas tudo começou com minha atuação”.


“Aqui em Salesópolis, houve um momento em que as mães temiam em mandar seus filhos à escola, pois havia um veículo, que interceptavam os ônibus escolares, o pânico tomou conta, então numa reunião entre várias autoridades “eu prometi”, que naquele dia eu iria solucionar o caso, isto era por volta das 12:00, então as 15:00, eu juntamente com os meus policiais, já tínhamos prendido 2 pessoas, desmantelado um esquema forte de furto de ônibus, onde, localizamos, numa chácara, um cativeiro, vários documentos, recuperamos 4 caminhões roubados, dentre outros”.


Sempre coloquei Deus e Santo Expedito a frente de tudo, para me iluminar nas decisões, usei a Policia para fazer amigos, sendo eu amigo da Sociedade, fiz da Polícia um trabalho como outro qualquer, salvo a periculosidade, então fiz desse trabalho “Um meio de Vida, não um Meio de morte”.


Então, como usamos no linguajar Policial, Missão dada, missão cumprida, e eu cumpri.


Digo....

Não seu melhor, nem pior,

Sou diferente,

Sou de uma geração limitada,

Um ser humano que fez e faz sua parte.


Agradeço de coração todos aqueles que fizeram parte desta Jornada, agradeço ao Povo Salesopolense que depositaram, no Sargento Martins, a confiança, de poder contar com um amigo, com um profissional que se dedicou, boa parte de sua vida, em defender a Sociedade.


Finalizando, quero agradecer, minha Mãe, meu Pai (in Memorian), aos meus irmãos, minha Família constituída (Zilda, Suellen e Luiny), que estiveram diretamente no meu dia a dia.


Que nosso Pai Celestial, que Meu Santo Expedito esteja com vocês sempre.

Forte Abraço.

Sgt Martins. 26/10/2020