ESTÂNCIA: Rejeitado plano de carreira dos funcionários da câmara municipal

 

Na sessão da câmara municipal da Estância Turística de Salesópolis de segunda-feira, 14 de outubro, foi colocada em discussão e votação o Projeto de Lei Complementar 001/2019 de autoria da Mesa Diretiva, que tratava sobre o Organização Administrativo do Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração da Câmara Municipal da Estância Turística de Salesópolis.

 

O Projeto foi rejeitado por 6 votos a 5, sendo que votaram a favor o vereador Claudinei José de Oliveira, Mario Barbosa Pinto, Rodolfo Rodrigues Marcondes, Nilson Satolu Imamura e Claudio do Prado Moraes e contra o Projeto os vereadores Cristian Luiz Candelária, Paulo Cezar Monteiro, Sérgio dos Santos, Edson Lopes Cerqueira, Paulo Roberto de Faria e Edilson Aparecido dos Santos.

 

Era um projeto de Lei complementar que aprovava o plano de carreira apenas dos funcionários da câmara municipal da Estância Turística de Salesópolis.

 

 

A reportagem do JP procurou o vereador Cristian Luiz Candelária, Kiki, que votou contra o Projeto de Lei e o mesmo disse a nossa reportagem que “votei contra o plano de carreira, visto que os vereadores deveriam se reunir com o prefeito Vanderlon Oliveira Gomes, e estudar uma forma possível de se fazer um plano de carreira dos funcionários da prefeitura e assim votar juntamente com o plano da câmara municipal”.

 

 

“Não sou contra o plano de carreira dos funcionários da câmara municipal, mas também há a necessidade de olhar para os funcionários da prefeitura que há mais de vinte anos aguardam pelo mesmo benefício, por esse motivo não votei a favor do plano de carreira dos funcionários da câmara sem que seja enviada também dos funcionários da prefeitura da Estância Turística de Salesópolis”.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload