Design sem nome (1).png

Jornal do Povão

Aqui Você Faz a Diferença

  • Hiago Salesópolis

BIRITIBA MIRIM: Vereador derrotado, Maeda entra na Justiça para pedir a cassação de dois vereadores


Vereador Marquinhos Tucaninho, Republicanos


O candidato a vereador nas eleições de 2020 na cidade de Biritiba Mirim Kendi Maeda, PSDB que obteve 212 votos entrou com ação na Justiça Eleitoral para pedir a cassação dos vereadores Marquinhos Tucainho, Republicanos que teve 544 votos, sendo o vereador mais votado na cidade, e do Professor Evandro, Republicanos que foi eleito com 371 votos, alegando fraude na composição da chapa dos mesmos.


A justificativa do então candidato Maeda é que o Partido Republicanos “usou” a candidata Irmã Neide, uma ativista na cidade de Biritiba Mirim para que o partido obtivesse a porcentagem feminina na composição da chapa.


Se os vereadores Marquinhos Tucaninho e Professor Evandro fossem realmente cassados, e a Justiça Eleitoral determinasse a anulação de todos os votos dos demais candidatos do Republicanos, o então candidato derrotado nas eleições de 2020 pelo PSDB Kendi Maeda teria sua vaga assegurada na câmara municipal de Biritiba Mirim.


Mas a Justiça Eleitoral tirou todas as esperanças de Kendi Maeda validando assim os resultados obtidos nas urnas dos vereadores MarquinhosTucaninho, com 544 votos e do professor Evandro, 371 votos


A sentença da Juíza


Em sua sentença a Dra. Ana Cláudia de Moura Oliveira Querido, aceitou a defesa de Marquinhos Tucaninho e do Professor Evandro, ambos do Republicanos e do MPE, considerando que a então candidata Irmã Neide entrou no partido por vontade própria e não apenas para preencher vaga, sendo assim o candidato a vereador em 2020 Kendi Maeda obteve sua segunda derrota nos tribunais.


O vereador Marquinhos Tucaninho disse que ganhou a eleição para vereador em 2020 graças a seu trabalho junto a comunidade e que foi reconhecido pelos 544 votos obtidos sendo o vereador mais votado da cidade de Biritiba Mirim.


Sendo reconhecidos os resultados das urnas de 2020 o advogado de Marquinhos Tucaninho e do Professor Evandro ambos irão continuar com seus mandatos, disse o advogado Leonardo Freire que representa ambos vereadores.



Doutor Leonardo Freire, advogado dos vereadores Marquinhos Tucaninho e professor Evandro

400 visualizações