top of page
Design sem nome (1).png

Jornal do Povão

Aqui Você Faz a Diferença

  • Hiago Salesópolis

Festa do Divino Espírito Santo em Salesópolis


Encerrou na noite de domingo, 18 de julho a tradicional festa do Divino Espírito Santo em Salesópolis com missa que foi celebrada pelo Padre e Reitor do Santuário São José, Muller Aparecido do Prado e concelebrada pelo Vigário Paroquial, Dênis de Jesus das Neves.


Foram dez dias de missas e três alvoradas que mais uma vez devido a Pandemia do Novo Coronavírus não foi possível realizar com todo o esplendor a Festa do Divino em 2021. Dentro de todas as possibilidades que foi permitida os festeiros Cido e Célia e os Capitães do Mastro João e Luzia, fizeram o melhor para que a Festa do Divino fosse realizada com a presença dos Devotos em todas as missas, mesmo que em números reduzidos.


Não pudemos ouvir mais uma vez o som dos violões e caixas dos Foliões do Divino, nem mesmo a Banda São José de Salesópolis e tão pouco o cantar dos grupos de Moçambique, mas na fé e esperança que em 2022 possamos voltar ao novo normal e assim realizar a Festa do Divino resgatando as nossas tradições culturais que não puderam serem expressadas de forma mais abrangente nesses dois últimos anos.


Carreata do Divino


A carreata da Festa do Divino Espírito Santo encerrando as festividades se tornou essencial para que não perdemos nossas tradições e principalmente nossa fé. Se fomos mais uma vez impedidos pela Pandemia de realizar a tradicional procissão pelas Ruas do centro da cidade, a Carreata percorreu todos os Bairros de Salesópolis, levando Fé e esperança ao povo católico que enfeitou as fachadas de suas residências e esperavam o Divino passar. Ao término em frente ao Santuário São José, Padre Muller Muller Aparecido do Prado, abençoou a todos os devotos que participaram da carreata e mais outros que aguardavam com suas bandeiras para saudar o Divino Espírito Santo.


Missão comprida


O JP iniciou as transmissões da Festa do Divino em Salesópolis em 9 de julho a com o hasteamento da Bandeira e durante uma semana mostramos as missas e alvoradas que mesmo de forma mais restrita aconteceram para mantermos nossas tradições.


Com certeza não seria possível a realização de nosso trabalho sem a colaboração das pessoas que acreditam em nosso trabalho Padaria São José e Imobiliária Mattos e principalmente acreditam na Fé de nosso povo.


Foram mais de 16 horas de transmissão ao vivo pelo Jornal do Povão onde chegamos a mais de 20 mil lares Evangelizando e lavando uma palavra de fé aos Devotos através das missas e alvoradas.


Que no ano de 2022 possamos estar juntos novamente mostrando a nossa cultura Religiosa e Festiva os outros milhares de Devotos e internautas que nos acompanham diariamente pelo Jornal do Povão.




Comments


bottom of page