Inaugurada agência do INSS em Biritiba Mirim

29/09/2017

Inaugurou no início da tarde de sexta-feira, 29 de setembro, na cidade de Biritiba Mirim a agência do INSS que contou com a presença do presidente do Instituto Leonardo Gadelha.

 

 

A unidade irá funcionar na Avenida Heitor da Cunha Braga, esquina com a Rua São João e já estará atendendo ao público a partir de segunda-feira, 2 de outubro das 8:00 às 14:00.

 

Além do presidente do INSS participaram da cerimônia o superintendente regional do INSS em São Paulo, José Carlos Oliveira; gerente executiva do INSS em Guarulhos Caroline Amery, prefeito de Biritiba Mirim Jarbas Ezequiel de Aguiar, o vice-prefeito Walter Tajira, presidente da Câmara Municipal  Marcelo Batista de Miranda Melo e demais vereadores, o Deputado Estadual André do Prado, Luiz Carlos Gondim e Estevam Galvão de Oliveira e os Deputados Federal Marcio Alvino e Arnaldo Faria de Sá, além de prefeitos da Região.

 

A nova agência de Biritiba Mirim conta com dispositivos de segurança e é totalmente acessível a pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida. Trata-se de um prédio climatizado, com amplos espaços e modernos equipamentos de informática. Com essa nova unidade o INSS passa a contar com 267 agências próprias em São Paulo.

 

Inicialmente a unidade terá dois funcionários que irão atender as solicitações de salário maternidade, pensão por óbito, benefícios de prestação continuada ao idoso e aposentadoria rural.

 

No local será possível ainda obter informações e orientações sobre os serviços e benefícios previdenciários.

 

A região em que está situada a cidade de Biritiba Mirim é administrada pela Gerência Executiva do INSS em Guarulhos, que é responsável pelas agências do INSS nos município de Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Suzano e agora em Biritiba Mirim.

 

A agência controla o pagamento de 345 mil aposentadorias, pensões e auxílios em toda a região, o que corresponde a um gasto mensal de R$ 500 milhões.

 

Biritiba Mirim tem aproximadamente 31 mil habitantes, dos quais cerca de 4 mil recebem atualmente algum tipo de benefício da Previdência Social, injetando na economia da Região cerca de R$ 5 milhões mensal.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload